Escolha uma Página

O Misturama Conversas Disruptivas em seu terceiro episódio está um pouquinho diferente, a Aline Vieira apresentou o programa com a gente. Trouxemos também dois convidados: o Victor Soares da Mergulho VR e o Lucas Figueiredo da Voxar Labs. Além de serem jovens empresários, os dois têm em comum a paixão por novas tecnologias e em especial pela realidade virtual e a realidade aumentada.

O Lucas Figueiredo explicou a diferença entre as duas modalidades. De forma geral, a realidade virtual imerge o usuário em um mundo faccioso,  feito digitalmente. Esse processo brinca com os sentidos humanos, como a visão e a audição, tornando a experiência virtual mais realista. No entanto na realidade aumentada, o mundo a nossa volta é preenchido com itens virtuais, podendo ser composto por imagens e sons. Um exemplo disso é o aplicativo Pokémon Go, que através da câmera do celular podemos ver pokémons no nosso ambiente.

A grande sacada dessas tecnologias é sua proposta inovadora, ampliando ao máximo nossa interação com o mundo virtual. Trazendo novas possibilidades de uso, não só para games mas para diversas áreas, como educação, medicina, indústria etc. Por isso, não é exagero dizer que essas inteligências virtuais e seus equipamentos são revolucionários e marcam a era digital.  

Explorando esse novo mercado, o Victor soares da Mergulho VR conta como decidiu criar sua própria empresa com a realidade virtual. Sua Startup é voltada para o turismo, ou seja, ele proporciona aos consumidores experiências prévias em uma localidade idealmente antes de viajar. Esses testes feitos pelos clientes geram também dados para a área, acerca das tendências de destinos turísticos entre outras.   

O empresário salienta que o mercado para essa nova engenharia em Pernambuco é promissor, porém, que é necessário novos modelos de negócios, que usem essa tecnologia de forma inovadora, quebrando o clichê das agências. Sobre a aceitação do público Victor fala “Existe uma curiosidade muito grande e isso vai ser o motor de interesse das empresas, de conversar sobre isso por um bom tempo ainda, porque nem todo mundo tem envolvimento com isso.”.

Assista esse bate papo na íntegra e saiba mais sobre o assunto com os nossos convidados. Não esqueça de dar like, compartilhar  o vídeo com seus amigos e se inscrever no canal da TV Pimenta.